fbpx
Pular para o conteúdo
Server administrator of data center with laptop in one hand checking network cabinet

Conheça alguns casos de uso para Hiperconvergência

A Hiperconvergência é uma tecnologia que reúne uma série de soluções capazes de resolver desafios de empresas que precisam se modernizar e agregar mais competitividade ao negócio. Pensando nisso, reunimos cinco casos uso principais que demonstram a geração de valor para as organizações que adotam o HCI:

1. Aplicativos críticos para o negócio

A infraestrutura tradicional torna os BCAs lentos para a provisão e complicados de se gerenciar. Tarefas como processamento de banco de dados, gerenciamento de servidor de e-mail e cargas de trabalho exigem um alto nível de desempenho, disponibilidade e confiabilidade. Arquiteturas mais antigas não conseguem entregar resultados satisfatórios sem armazenamento supervisionado, hardwares caros e ferramentas de gerenciamento por silos.

Por que HCI: A infraestrutura hiperconvergente surge como uma alternativa para superar esses desafios, com uma arquitetura simples e distribuída, muitas vezes otimizada para dispositivos flash de alto desempenho, que coloca a TI de volta no comando dos aplicativos tão importantes para o negócio.


2. Virtualização de desktop

A necessidade de VDI tem crescido constantemente, mas os sistemas legados tornam a implantação um desafio. A virtualização de desktops requer uma combinação de operações elevadas e de baixa latência para garantir uma experiência de usuário similar a das máquinas físicas. Ao utilizar a infraestrutura tradicional, o VDI se torna muito caro para implantar e manter, com altos requisitos de capital inicial, bem como os altos custos de manutenção necessários para fornecer desempenho e escala adequados para desktops e aplicativos virtuais.

Por que HCI: A Hiperconvergência é a solução perfeita para esses desafios, pois fornece uma solução de alto desempenho e baixo custo para uma experiência de usuários mais consistente e previsível. Uma exigência de CapEX mais baixa e um modelo operacional mais simples.


3. Escritórios remotos e filiais

Muitas organizações distribuem computação e escritórios remotos/filiais que dependem da infraestrutura local de TI gerenciada pela equipe de TI em outro local. Essa arquitetura remota e distribuída apresenta uma série de desafios que vão desde o desempenho imprevisível até a alta complexidade do gerenciamento, além da baixa confiabilidade e disponibilidade. As equipes de TI precisam de melhor visibilidade à distância, junto a ferramentas que tornarão a administração e gestão mais simples e rápidas. À medida que os negócios crescem, eles precisam de capacidade para escalar sem prejudicar o orçamento.

Por que HCI: a solução oferece uma combinação perfeita para computação de borda e implantação de escritórios/filiais, com uma solução de infraestrutura única e de baixo custo com computação, armazenamento, gerenciamento e rede integradas. Além disso, a solução de HCI certa pode ser facilmente dimensionada para cima ou para baixo, e é flexível o suficiente para acomodar as necessidades em mudança – exatamente o que as empresas com escritórios remotos precisam.


4. Recuperação de desastres

O custo de um site de disaster recovery pode ser um empecilho para muitas organizações. Por isso, várias empresas têm um plano de recuperação de desastres inadequado, o que introduz um risco considerável. Um dos custos mais significativos de um local de recuperação de desastres é a infraestrutura de sistemas de TI, incluindo software de servidor, armazenamento e software de replicação.

Por que HCI: com uma plataforma completa e nativamente integrada, composta por recursos de computação, rede e armazenamento, essa é uma solução ideal para o caso de uso de recuperação de desastres. Por exemplo, como as unidades conectadas são usadas para criar o armazenamento compartilhado, não há dependência do hardware de armazenamento compartilhado externo. Isso ajuda a reduzir o custo total da solução, fornecendo capacidade, confiabilidade e desempenho suficientes.

A replicação, por sua vez, pode ser configurada em uma máquina virtual, permitindo um controle preciso sobre quais cargas de trabalho estão protegidas.


5. Gerenciamento e clusters

Aplicativos críticos para os negócios podem receber a maior parte da atenção, mas os clusters de gerenciamento desempenham um papel crítico nos bastidores para manter o ambiente de TI funcionando sem problemas. Um cluster de gerenciamento é um grupo dedicado de hosts reservados para a execução de VMs, que fornece serviços de gerenciamento para ambientes de infraestrutura, incluindo serviços de diretório, DNS (Domain Name System, sistema de configuração de host dinâmico), e Vmware vCenter Server.

Tradicionalmente, os clusters residiam em hardwares caros para garantir a alta disponibilidade e desempenho. Se eles viviam com recursos compartilhados com o objetivo de reduzir custos, eles tinham que competir com cargas de trabalho de negócios para recursos de computação e armazenamento, tornando a recuperação mais desafiadora em caso de falhas.

Por que HCI: a Hiperconvergência ajuda a gerenciar esses desafios. Ao permitir uma gestão simplificada, restauração mais rápida e recuperação de desastres, a tecnologia permite isolar a infraestrutura sem altos custos de capital.


Esses são apenas alguns exemplos de casos de uso para HCI. Empresas que precisam atender a demandas como sistemas de suporte a nuvem híbrida, sites de recuperação de desastres, data centers secundários, implantações de DMZ e funções de teste e desenvolvimento também podem se beneficiar da Hiperconvergência.

Conheça também seis benefícios para empresas que utilizam Hiperconvergência.

Compartilhe esse Post

Cinco Resultados Obtidos com Hiperconvergência

As organizações que adotam a infraestrutura hiperconvergente contam com grandes vantagens, incluindo interferências mínimas no dia-a-dia durante a implantação e resultados perceptíveis logo após a

Preencha com seus dados para acessar a ferramenta: