fbpx
Pular para o conteúdo
Young technician man working with tablet inside big data center room - Focus on man face

Entendendo os Data Centers modernos

Em nosso artigo anterior, Infra de TI: Qual é o futuro do Data Center?, falamos sobre a importância estratégica desse recurso da TI e o seu impacto em todas as áreas da empresa que dependem de alguma forma da tecnologia. Pensando no cenário competitivo no qual os investimentos impulsionam a produtividade e levam mais qualidade ao usuário final, as organizações precisam modernizar o seu ambiente de TI, a começar pelo Data Center, que precisa ser mais ágil e resiliente.

Pensando nisso, levantamos algumas dicas do nosso parceiro VMware para modernizar os Data Centers das empresas:


Elimine os silos: as empresas muitas das vezes possuem alguns investimentos em TI que acabam não sendo totalmente utilizados. É possível, por exemplo, aproveitar funções de nuvem para eliminar os silos de infraestrutura ou introduzir a infraestrutura hiperconvergente;

Modernize-se para a nuvem: conte com uma pilha de software consistente no local que pode se expandir para a nuvem pública e a borda;

Execute apps de forma consistente: entregue mais valor com a TI ao utilizar aplicativos tradicionais e nativos de nuvem na infraestrutura;

Aproveite os investimentos existentes: verifique sempre quais ferramentas já existentes podem ser mais exploradas durante o processo de modernização;

Operação eficiente: é possível reduzir o custo total de propriedade (TCO) com gerenciamento automatizado de desempenho, utilização otimizada da capacidade, planejamento proativo e tempo médio de resolução reduzido.


Requisitos para um Data Center funcional

Os Data Centers modernos contêm equipamentos de TI muito caros e que contam com alguns requisitos especiais de segurança e energia para funcionar corretamente, por exemplo:

Fornecimento de energia abundante e confiável: geralmente, o Data Center requer uma grande quantidade de energia. Isso é um desafio porque a energia é algo sujeito a quedas, por isso deve ser fornecida uma fonte imune a interrupções. Para usuários de Data Centers virtualizados, uma vantagem é a economia de energia em comparação com os Data Centers físicos. Acesse a nossa página sobre Cloud e Infraestrutura para saber mais.

Condições de resfriamento: o calor gerado pelos equipamentos dentro de um Data Center exige algum tipo de equipamento de resfriamento para operar de maneira ideal. As empresas devem usar sistemas químicos retardadores de fogo, que abafam chamas sem prejudicar os equipamentos. Sistemas hidráulicos podem destruir os computadores, por isso não são recomendados em nenhuma hipótese.

Medidas de segurança: Data Centers abrigam uma série de aplicativos e informações cruciais para o negócio, como dados confidenciais de clientes ou empresas. São necessárias medidas de segurança físicas e virtuais para garantir a proteção contra uma possível violação de dados. Medidas de segurança física incluem bloqueios, vigilância por vídeo e acesso restrito. Já a segurança virtual deve contar com softwares de segurança de redes e aplicativos como item básico. Visite a nossa página de Segurança da Informação e conheça mais algumas soluções que podem auxiliar nesse processo.

Infraestrutura do Data Center


Cada vez mais empresas estão vendo a nuvem como a chave para a modernização das suas iniciativas, buscando mais escalabilidade, flexibilidade e desempenho. A transição de uma infraestrutura tradicional pode criar uma série de desafios, pois as organizações normalmente possuem uma mistura complexa de computação, armazenamento e recursos de rede que evoluíram ao longo do tempo. Um desses desafios é a falta de clareza para definir o caminho dessa transição para a infraestrutura virtualizada, o que pode ser auxiliado por uma equipe terceirizada e especializada.

Uma vez que a infraestrutura passa a ser integrada e definida por software, existe uma série de benefícios para as empresas:


Redução de complexidade: Criação de uma infraestrutura hiperconvergente onde a computação, armazenamento e componentes de rede funcionam perfeitamente juntos tanto na nuvem, quanto na borda;

Controle de custos: Uso das mesmas ferramentas de gestão e modelo operacional em toda a sua infraestrutura, eliminando a necessidade de substituir elementos da infraestrutura à medida que as necessidades evoluem;

Agilidade crescente: atende à demanda acelerada por novos aplicativos containerizados e recursos em nuvem para uma prestação de serviço mais rápida;

Estar pronto para a nuvem: Ganho de flexibilidade para combinar com a entrega de serviços em nuvem e demandas de consumo à medida que os negócios precisam mudar.

A modernização do Data Center está diretamente ligada a aspectos como competitividade do negócio, segurança e produtividade. Leia o nosso próximo artigo, Modernização: Por que considerar a Hiperconvergência, e entenda mais sobre o assunto.

Compartilhe esse Post

VDI: Fique por dentro dessa tecnologia

Na área de tecnologia da informação temos que ser flexíveis em relação as mudanças e novos conceitos. Levando isso em consideração, vamos explicar o conceito

Preencha com seus dados para acessar a ferramenta: